Por favor Clique Aqui para fazer o download do plugin atual.
Alex Guenther - Ilustrador - Ilustração, Quadrinhos, Personagens, Design Gráfico

Os Xokleng - Graphic Novel

Você está em:
Postado há 7 anos
Os Xokleng - Graphic Novel
Os Xokleng - Graphic Novel
Os Xokleng - Graphic Novel
Os Xokleng - Graphic Novel

Os Xokleng - Graphic Novel
Os Xokleng - Graphic Novel


Categoria: Revista em quadrinhos
Autor: Alex Leonardo Guenther

Especificações: Preto e Branco/56 ps/ Ano: 2010/ Tiragem: 2000
Sinopse: No começo eram só os índios e a natureza.Tinham uma vida pacata, alimentos suficientes, seus rituais e tradições. Então chega o homem branco e com ele, a disputa pelas terras, devastando tudo e encontrando pela frente os denominados bugres. Açoitados e caçados, lutaram bravamente pelo seu direito de viver, e pertencer a algum lugar. Estes eram os índios Xokleng.

Esta Revista foi concebida pela Lei Elisabete Anderle (2009).

O PROJETO OS XOKLENG


O projeto da revista em quadrinhos "Os Xokleng" teve iníco a partir do ano de 2007, objetivando a continuidade de meu trabalho em fazer o resgate histórico da região do Vale do Itajaí através de revistas em quadrinhos. Com o término das revistas "O Desbravador" e "Vale dos Imigrantes", percebi que uma nova oportunidade surgia para apresentar a versão dos índios sobre os conflitos decorridos da colonização alemã e italiana no Vale do Itajaí. Comecei a coletar as informações gerais sobre a população índigena, primeiramente em sites especializados e posteriormente na biblioteca Fritz Müeller de Blumenau. Os livros mais  pesquisados foram do autor "Silvio Coelho dos Santos", famoso antropólogo e historiador, grande conhecedor da população Xokleng. Alguns meses de pesquisa se deram, com muita leitura, anotações assim como a pesquisa visual dos personagens. Decidi então colocar o máximo de informações verídicas no livro, utilizando personagens reais porém, misturando a trama com algumas lendas e entrelaçando algumas histórias isoladas dentro da revista. O roteiro foi produzido para 58 páginas com muita ação, história e como sempre uma pitada de humor! Após esta etapa de roteirização da história, o próximo passo foi realizar os esboços de cada página, onde cada quadrinho se encaixa conforme sua importância na página. Todas as páginas então foram desenhadas em folhas A3 e arte finalizadas a nanquim, para depois serem digitalizadas e montadas como um livro padrão. Optei por fazer a revista em preto e branco pelo custo mais baixo de produção e também pelo contexto artesanal que a revista possui. Com o término do livro, a primeira coisa que fiz foi procurar pelo professor "Silvio Coelho"para lhe a presentar o trabalho. Somente iria seguir adiante com o projeto se tivesse sua correção e aprovação, considerando o grande nome que este representa na área.

Não só corrigiu como também fez-me uma carta introdutória da qual apresenta na primeira página da revista. Segue ela abaixo:
 
                       "A saga vivida pelo povo indígena Xokleng em seu contato com os brancos está sendo magníficamente relatada por Alex Leonardo Guenther na forma de História em Quadrinhos. Alex é um jovem publicitário, egresso da Universidade Regional de Blumenau, que está preocupado em se relacionar com crianças e adolescentes narrando histórias e tradições regionais. Já publicou “O Desbravador – a Fundação da Colônia Blumenau” (2006) e “Conhecendo o Museu da Família Colonial” (2006). No prelo estão “Vale dos Imigrantes” e “Oktoberfest – origens e tradições”, ambos acabados neste início de 2007. E agora este novo livro  recupera uma boa parte da história do povo Xokleng e do próprio Vale do Itajaí.
                      Como se sabe, os Xokleng  habitavam uma grande área  coberta pela floresta tropical (Mata Atlântica), que se estendia desde  as proximidades de Curitiba até a altura de Porto Alegre. Para o Oeste, esses índios alcançavam  a região de Porto União e Calmon, onde mantinham disputas com os Kaingang  objetivando o domínio dos bosques de pinheiros, onde havia, além do pinhão, uma variedade enorme de animais e de aves que eram a base da sua alimentação. Nos vales que se localizavam entre o litoral e o planalto, os Xokleng também exploravam variada fauna e realizavam a coleta de mel, de frutas silvestres, de palmito e de outras tantas plantas e raízes.No dia-a-dia conviviam com a natureza e dela tiravam o que necessitavam para sobreviver. Durante séculos sua condição de nômades caçadores e coletores se reproduziu de geração em geração sem maiores transtornos. Com a chegada dos homens brancos, entretanto, tudo começou a mudar.
                         O contato entre os Xokleng e os brancos foi trágico. Sistematicamente seu território foi sendo conquistado pelos imigrantes que chegavam. Ocorreram diversos episódios sangrentos, envolvendo vítimas de parte a parte. Contatados por Eduardo Hoerhan, agente do Serviço de Proteção aos Índios, aos poucos os índios foram se adaptando a convivência com os novos senhores de seu território. Hoje, os descendentes vivem em maioria na Área Indígena de Ibirama, no alto Vale do Itajaí.  A sua identidade indígena é  constantemente reafirmada, o que contribui para a manutenção de suas tradições.
                         É esta trajetória que liga passado e presente no Vale do Itajaí que Alex  traz para nós, crianças e adultos, ajudando-nos a nos situar no complexo mundo em que vivemos."
 

Veja trabalhos relacionados


© Copyright 2009-2017 Alex Guenther - Todos os direitos reservados
desenvolvido porZeroArts - Agência de Publicidade e Internet - Design Gráfico, Web Design, Desenvolvimento de Sites e Branding - Blumenau, Santa Catarina